Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Bookish by the sea

Bookish by the sea

The Secret History, Donna Tartt (e uma iniciação na Dark Academia)

Cláudia, 26.12.22

secret history.jpeg

Dois meses depois, acabei finalmente de ler este livro que fez parte da minha bagagem de mão durante duas viagens de avião, oito Airbnbs, um sem número de viagens de comboio e as visitas a dez vilas e cidades do norte de Itália. O bilhete de avião de Fiumicino irá provavelmente viver para sempre no meio das suas páginas e o ambiente melancólico do livro para sempre associado a esta viagem. 

A escolha do livro para levar comigo na viagem não foi inocente...

Livraria Acqua Alta (e a armadilha das livrarias "mais bonitas do mundo")

Cláudia, 10.11.22

Depois de um longo interregno forçado pela pandemia, voltei às viagens. Pois é! Quase três anos depois, fiz as malas e meti-me num avião. O destino desta vez foi o norte de Itália.

Como se tem tornado um hábito meu, ao preparar o itenerário decidi procurar por atrações mais livrescas que preencham o meu coraçãozinho de leitora. Uma breve busca no Google levou-me a um curioso e muito citado artigo da BBC de 2014 intitulado "As dez livrarias mais bonitas do mundo".

 

Os últimos marinheiros, Filipa Melo

Cláudia, 07.10.22

os ultimos marinheiros.jpg

A vida vai agitada e não tem havido muito tempo ou energia para ler... 

Depois de quase 15 dias sem tocar no livro que tenha na cabeceira, decidi num impulso do feriado pegar num dos livros da coleção Retratos da Fundação Francisco Manuel dos Santos. Estes curtos livros (este tem apenas 70 páginas) querem "trazer aos leitores um olhar mais próximo sobre a realidade do país". É "Portugal contado e vivido, narrado por quem o viu - e vê - de perto", autodescreve-se na primeira página.

O meu fascínio pelo mar é talvez um dos meus traços de personalidade mais marcados (se ainda não tinham percebido pelo título do blogue eheh). Como escreve a autora logo na linha de abertura, "não olhes, que o mar chama"... a mim sempre chamou.

Reading challenge completo... e agora? Crónica de uma valente "reading slump"

Cláudia, 17.09.22

Screenshot 2022-09-16 at 00.57.50.png

Este ano estabeleci um desafio de leitura ambicioso. 

Depois de anos sem ler, em 2020 voltei a pegar nos livros. Embora nesse ano não tenha conseguido ler um livro por mês como queria, foi o suficiente para pôr a bola a rolar.

No ano passado, embalada pela redescoberta do gosto pela leitura, voltei a traçar o objetivo dos 12 livros. Só que desta vez superei essa meta... logo a 8 de março. Entusiasmada, tentei chegar aos 50 livros. Desta vez sobrestimei-me. Depois de perder ritmo durante o verão (estranho porque costumava ser o prime time do meu ano de leitura), acabei por ler 41 livros (e meio) até ao final do ano.

O que nos traz a 2022...

12 livros da Feira do Livro de Lisboa

Cláudia, 16.09.22

Feira do livro 2022 - pilha geral.JPG

A Feira do Livro de Lisboa é um dos meus momentos favoritos na cidade! Por isso é que lá fui oito vezes nesta edição...

As visitas ao Parque Eduardo VII nestes dias são para mim um dos momentos mais antecipados do ano e um dos meus passeios favoritos. Afinal, não é todos os dias que nos vemos rodeados de verdadeiros amantes de livros (e também de todas as outras pessoas que conhecemos desde a escola primária, porque eu juro que para alguém de Lisboa é completamente impossível pôr os pés na feira sem encontrar pelo menos uma alma conhecida... pelos descontos vale a pena mas ufa!).

Para mim é também uma adorada tradição familiar. Quando eu era pequena, a minha mãe costumava participar na montagem da feira. Por isso, desde que me lembro que não faltei a uma única edição. Afinal, como poderíamos não passar pelo menos uma vez pelos cartazes e stands que a fizeram queimar pestanas durante semanas para terminar tudo a tempo? 

Não menos importante, estes são os dias de mandar a prudência financeira às ortigas para acumular livros como se o apocalipse estivesse iminente e esta fosse a última oportunidade para abastecer a livraria do bunker.

 

Apresentações literárias

Cláudia, 15.09.22

Olá, 

O meu nome é Cláudia e esta é provavelmente a minha milésima tentativa de ter um blogue. 

Nunca fui muito boa nesta coisa de manter registos regulares... mas tenho lido um número absurdo de livros e preciso de um sítio para partilhar as minhas ideias que seja mais do que um efémero e curto post no Instagram (ou pior, um vídeo no TikTok que mal raspa a superfície!).

A minha história com a leitura é a mesma que a de muitas pessoas, mas com um twist. A minha mãe sempre trabalhou numa editora e por isso eu sempre estive rodeada de mais livros do que será humanamente possível ler nesta vida (e provavelmente na próxima também). 

Com um fluxo constante de novos títulos sempre a entrar lá em casa, as histórias e livros sempre foram um lugar familiar.